quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Mini-post sobre AMAmentação


De 1º a 7 de agosto acontece a Semana Mundial de Aleitamento Materno. Mesmo não tendo conseguido escrever o post que queria, vim aqui deixar um recadinho sobre nossa experiência de amamentação.

Começamos com a super-livre demanda. Era a toda hora, em todo lugar, onde ele quisesse. Andando na rua, dormindo, no supermercado, no banco da praça, na hora do almoço... Livre demanda na veia, ultra-high-power. Livre demanda também de amor, de calor, de colo e de cheiro de mãe.Depois veio a livre demanda light com introdução dos alimentos sólidos, introdução que veio devagarinho, pois Benjamin estava mais era interessado na teta, mesmo. Contudo, com o passar do tempo, começou a curtir cada vez mais a hora de comer (e come muito bem e alimentos variados, o que, dizem alguns, é uma das vantagens da criança que mama no peito; mas disso falo outra hora). Mas sempre buscando uma teta nos intervalos para se energizar... Às vezes, é só um golinho, só pra "molhar o bico", como se diz por aí. :-)
E assim seguiremos nesse momento gostoso e só nosso, enquanto desejarmos. É bom lembrar que atualmente vivenciamos uma fase diferente, a lactogestação ou gestolactação. Para mim, trata-se de instante mágico em que imagino um início do vínculo entre meus dois filhos, como se um fio invisível os unisse, pois meu corpo, ao mesmo tempo, nutre de amor e alimento ambos os bebês, o do ventre e o do colo.
Amo muito tudo isso!